sexta-feira, 14 de novembro de 2014

"Isabela Vampirella"

Como todo mundo sabe, dia 31 de outubro foi Halloween; e eu, que nunca antes participei de nada desse tema (e até então nem tinha me ligado muito), esse ano resolvi que queria ir à uma festa à fantasia. Não sabia onde e nem o que vestir, só sabia que queria. 
Até que, para minha alegria, fui convidada via facebook para uma festa de Halloween de um bar aqui da minha cidade. Lógico que adorei e me pus a pensar no que meu marido e eu vestiríamos.

Cheguei a cogitar usar algum tipo de fantasia de casal combinando, como essas que a gente vê pelas internets da vida, mas não estava a fim de gastar muito em trajes que só seriam usados uma vez, então optei por algo mais "simples". Pro meu marido cheguei a considerar algo como Secos e Molhados, Alice Cooper, banda Joelho de Porco ou até mesmo Beetlejuice. Mas, no final, a idéia "original": KISS!! Haha! Lógico que logo percebemos que seria quase impossível reproduzir a armadura típica dos caras, mas minha sacada genial (modéstia à parte, cof cof) foi lembrar do disco "Dressed to Kill", em que eles usam roupas sociais (algo mais do que presente no guarda roupa do marido!). Perfeito!

Para mim, pensei em coisas como caveira mexicana, zumbi, boneca macabra e Mortícia. Mas no final, aproveitando um vestido antigo que estava parado no armário, escolhi me vestir de vampira (e assim também poder usar uma maquiagem meio gótica, como sempre quis experimentar, haha!). 

Então, o resultado da minha "vontade" de Halloween foi esse:

Isabela Vampirella e Nelson Stanley

Dente caindo sem eu perceber, haha!

Dressed to KILL!

Nelson Stanley

Só a gente fantasiado :P

 Fomos com nossos amigos e, por um bom tempo, éramos os únicos fantasiados, mas logo depois um grupo chegou vestido de "o povo da capa de chuva das cataratas no Niágra do Pica-Pau", achei muito legal e até filmei:

Os "originais"
video
A "cópia" :P


Esse dia foi muito divertido valeu a pena o "esforço" pra nos fantasiar (afinal eu não levo o menor jeito com maquiagem, além do fator timidez que quase me fez desistir de ir em cima da hora ).

Para a "máscara" do Nelson usei a tinta Color Make, própria para esse tipo de pintura, tentei fazer o mais próximo possível da make do Paul Stanley (se bem que a parte branca, mais chatinha, foi o próprio Nelson que aplicou, haha!).

Para a minha make, usei como inspiração esse vídeo:



Para os dentes, esse:


E para o sangue falso, esse:


Espero que tenham gostado de nossas fantasias, esse dia foi bem legal pra mim :)

E se você chegou até o fim desse post, um "bônus": no bar em que fomos tinha Karaokê e quem cantasse concorreria a uma cerveja importada; eu, no auge da empolgação, resolvi cantar "Hold the Line" do Toto (ando ouvindo muito essa banda) e meu marido, que adora fazer uma graça, me filmou pagando esse mico. A imagem tá escura, eu desafino e meu dente de vampiro cai bem no meio da música e me tira o ritmo, uma beleza. Enjoy:


Só digo uma coisa desse vídeo:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...